|
|
|
|
Blog
A RELEVÂNCIA DA INVESTIGAÇÃO CIENTÍFICA NA ÓRBITA JURÍDICA, À LUZ DA TEORIA CRÍTICA: prolegômenos.
Postado em 10-09-2019
 
Textos de opinião
Encontre aqui todos os Textos de Opinião disponíveis no site.
 
Notícias
Instituições têm até 4 de outubro para atualizar cadastro do ProUni
Está aberto até as 23h59 de 4 de outubro o prazo para as instituições de ensino superior privadas atualizarem o cadastro do Programa Universidade para Todos (ProUni). A medida é necessária para que estudantes não percam o benefício. Para isso, as instituições deverão acessar o Sistema Informatizado do ProUni (SisProUni) (http://prouni.mec.gov.br/prouni2006/login/default.asp) e inserir a Certificação Digital. (http://prouni.mec.gov.br/certificacao-digital). O procedimento é todo online. Esse tipo de atualização é obrigatório para os casos de matriculados no semestre em curso. Portanto, não vale para situações de alunos que ingressaram no processo seletivo atual, pois seus dados foram recentemente registrados. Cabe à instituição confirmar a matrícula do beneficiado no semestre em curso e do rendimento acadêmico obtido no último período letivo. O procedimento é concluído com a emissão do Termo de Atualização do Usufruto de Bolsa. Neste documento, é registrada a autorização para a continuidade da bolsa, caso o bolsista tenha alcançado o rendimento acadêmico mínimo exigido. “É muito importante que o estudante compareça à coordenação do ProUni na própria instituição, pois a atualização da bolsa é o procedimento que garante a continuidade do benefício”, reforça o coordenador-geral de Políticas de Educação Superior, Thiago Leitão. Caso o coordenador não atualize a bolsa, a suspensão por ausência de renovação é automática. Fonte: Giulliano Fernandes, do Portal MEC - 17.09.2019 e Revista Universitária. - Leia Mais

Veja outras matérias

 
O que há de interessante?
Dia do Auditor Fiscal.
21 de setembro é comemorado o dia do Auditor Fiscal, desde 2009, mediante Lei 14.662. A data foi escolhida em razão de ser o dia de São Mateus, pois Ele era cobrador e arrecadador de tributos. O exercício da sua profissão exigia rígidos controles, os quais se refletiam na formulação do documentário contábil, sua exibição e sua revelação. De acordo com o site do SINDIFISCO de Santa Catarina, chamava-se telônio o local onde se efetivava o pagamento dos tributos e onde também se trocava moeda estrangeira – um misto de câmbio e de pagamento de tributos. Os serviços prestados pelos auditores fiscais, quer da Receita Federal, quer dos Estados, quer, ainda, dos Municípios são importantíssimos para o país, já que os recursos decorrentes de seu labor podem financiar e promover o desenvolvimento da nação, dos entes federados e dos municípios. Parabéns a todos os colegas pelo seu dia e que a luta continue pela dignidade da categoria, principalmente em estados que estão a 5 anos sem sequer ter a reposição salarial da inflação. - Leia Mais

Veja outras matérias